A franquia mais bem-sucedida deste século na NFL começa a temporada na condição de favorita ao Super Bowl. Sua maior estrela, o quarterback Tom Brady, perderá os primeiros quatro jogos por conta de suspensão, mas isso não deverá ser um problema.

Estreando o jovem Adam Gase como seu novo técnico principal, o Dolphins fez mudanças também no elenco visando pelo menos terminar a temporada com um recorde positivo.

A franquia que chegou a quatro Super Bowls seguidos nos anos 1990 e perdeu todos é a que está há mais tempo sem ir aos playoffs: desde 1999. Tudo indica que não será dessa vez que veremos os Bills na pós-temporada.

Após mais uma temporada abaixo da expectativa, o Giants abriu o cofre e reforçou principalmente a defesa, além de ter mudado o comando técnico com a saída do bicampeão Tom Coughlin, após 11 anos.

Comandados por Todd Bowles, os Jets ficaram muito perto de conquistar a vaga na pós-temporada. O quarterback Ryan Fitzpatrick, se não foi brilhante, jogou de forma suficiente para que o time fosse competitivo.

Apesar de ser a marca mais valiosa do esporte mundial, os Cowboys têm sofrido com os resultados em campo, e principalmente com a situação física de seu principal jogador, o quarterback Tony Romo.

Antes do começo da última temporada os Redskins eram cotados para serem uma das piores equipes, mas o que aconteceu foi justamente o contrário, com a franquia vencendo a divisão.

Mais Artigos...

  • Anúncio